Você conhece o Slow Food?

por Nutricionista Francis Moura Santos - CRN5 3243/P

Há muito já ouvimos falar em Fast Food, alimentação rápida e padronizada que é servida em grande redes. O Slow Food nasce em oposição ao Fast Food e vai de encontro à comida padronizada, ao estilo de vida estressante, ao desaparecimento de tradições culinárias regionais, à falta de interesse nas pessoas da procedência de seu alimento e em como o alimento que escolhemos pode afetar o mundo.

O Slow Food é uma associação internacional sem fins lucrativos, fundada em 1986, por Carlo Petrini, e que tem como objetivo promover a apreciação de uma comida de melhor qualidade. Preconiza o reconhecimento da importância do prazer através da alimentação. Assim, segue o conceito da ecogastronomia, onde há uma junção do prazer de alimentar com a consciência e responsabilidade sobre o que é colocado no prato. A ecogastronomia tem como objetivo restituir ao alimento a sua dignidade cultural, favorecer a sensibilidade do gosto e lutar pela preservação e uso sustentável da biodiversidade. Para isso, busca uma alimentação que valorize não somente o produto, mas também o produtor e o meio ambiente.

As atividade desenvolvidas pela associação visam:

  • Defender a biodiversidade: onde a apreciação de uma boa refeição deve estar relacionada com esforços para defender grãos, vegetais, frutas, animais e outros alimentos que estejam ameaçados de desaparecer.
  • Educação pelo gosto: é a redescoberta do prazer de saborear um alimento. Além de apreciar um bom alimento, o Slow Food ainda ensina a importância de saber a origem do alimento, quem o produziu e como é feito.
  • Unir produtores e co-produtores: a associação organiza feiras, mercado e eventos com o objetivo de aproximar o agricultor da população, que são os consumidores.

A associação possui grupos locais, os convivias, que são formados pelos associados de determinados destes locais. Esses convivias organizam eventos, estimulam chefs de cozinha a utilizar o produto local, protege a cultura alimentar regional, lutam para levar a educação do paladar até as escolas, estimulando os pequenos a apreciar o alimento, enfim, os Convivias cultivam o prazer pela apreciação de uma boa alimentação, com elementos regionais, e uma boa qualidade de vida.

Os convivias são a espinha dorsal do movimento Slow Food, já que é através do trabalho voluntário de pessoas associadas ao Slow Food que é possível realizar os ideais da associação. No mundo, são mais de 850 convivias, e suas atividades divulgam a filosofia do movimento. Atualmente, no Brasil, existem 28 convivias.

Acredita-se que a forma como nos alimentamos tem profunda influência do meio ambiente que nos rodeia. Assim, a qualidade do alimento e a tempo para saboreá-lo, é uma das formas mais simples que temos de tornar o nosso dia a dia mais prazeroso. O princípio básico do Slow Food é o prazer da alimentação, utilizando produtos regionais, artesanais, produzidos de forma que respeitem o meio ambiente e as pessoas que o produzem.

Ao observarmos a filosofia do Slow Food, percebemos que é muito próximo ao que alguns médicos e muitos de nós, nutricionistas, colocamos como a alimentação ideal. É um conceito mais abrangente envolvendo a valorização do que vem do solo, da forma de produção do alimento, do preparo desse alimento e, principalmente, da apreciação do alimento. Indo de encontro às refeições preparadas de forma rápida, padronizada e sem qualidade nutricional.

Fonte:  ANutricionista.Com - Francis Moura Santos - CRN5 3243/P - Nutricionista em Salvador.

http://www.slowfoodbrasil.com/content/view/18/35/
http://www.slowfood.com/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Slow_Food
Importante: As informações fornecidas não são individualizadas, portanto, um nutricionista deve ser consultado antes de se iniciar uma dieta. O artigo acima expressa a opinião do autor e pode NÃO refletir a opinião do site ANutricionista.
Você é novo por aqui?

Receba nossas dicas por e-mail

Deixe seu Comentário

This website uses IntenseDebate comments, but they are not currently loaded because either your browser doesn't support JavaScript, or they didn't load fast enough.

Deixe um comentário