Mitos da alimentação

por Nutricionista Tatiane Trevilato de Brito - CRN3 26450

Mitos da alimnetação

Sempre que pensamos em fazer dieta surgem os famosos “mitos” da alimentação… “isso engorda”, “isso é proibido”, ou as famosas fórmulas milagrosas que nem sempre, ou melhor dizendo, quase nunca funcionam! Para ajudá-los a entender um pouquinho mais sobre o assunto, vou apresentar alguns destes famosos “mitos”. Vamos lá então…

Alimentos diet e light são a mesma coisa?

São alimentos muito diferentes. Precisamos entender um pouquinho sobre estes dois conceitos. Alimento diet é aquele alimento que possui ausência de algum nutriente (ex: açúcar e glúten). São alimentos destinados a fins específicos com os diabéticos e celíacos. Já os alimentos denominados light possuem uma redução de pelo menos 25% de algum nutriente como por exemplo a gordura e o sódio. O alimento light é ideal para quem está fazendo dietas ou restringindo algum nutriente. Portanto, vamos ficar atentos! Nem sempre um alimento diet vai “emagrecer”. Se pensarmos no chocolate, já que nesta época de páscoa é um alimento bastante consumido, o chocolate diet é mais calórico do que o normal, pois não tem açúcar (feito para diabéticos), mas tem uma porcentagem de gordura mais elevada!!

Vitaminas engordam?

Quantas vezes ouço a seguinte frase… “O médico me receitou vitaminas, mas não vou tomar porque elas engordam”. As vitaminas possuem inúmeras funções que ajudam nos processos metabólicos do nosso corpo e oferecem substâncias que ajudam nas nossas defesas, portanto quando estão em deficiência precisam ser repostas sim! O que nos fornece energia são a grande quantidade de carboidratos, proteínas e gorduras!

Podemos comer frutas à vontade?

Não é bem assim. Que as frutas são ótimas fontes de vitaminas e nutrientes benéficos ao nosso corpo não há dúvidas, mas não podemos esquecer que elas também contêm açúcar (frutose) e em excesso também engordam! Além disso alguns estudos associam o excesso do consumo ao aumento de triglicerídeos e podem elevar a glicemia em pacientes diabéticos! Portanto devemos consumir sim, mas com moderação.

Bom, estes são apenas alguns de tantos mitos encontrados por aí!

Na próxima desvendaremos mais alguns! Até lá!

Fonte:  ANutricionista.Com - Tatiane Trevilato de Brito - CRN3 26450 - Nutricionista em Ribeirão Preto.

ANVISA- Alimentos "Light" Portaria SVS/MS 27, de 13 de janeiro de 1998 disponível em http://www.anvisa.gov.br/alimentos/legis/especifica/regutec.htm

ANVISA- Alimentos "Diet" Portaria SVS/MS 29, de 13 de janeiro de 1998 (Alimentos Para Fins Especiais) (Versão Republicada - 30.03.1998) disponível em http://www.anvisa.gov.br/alimentos/legis/especifica/regutec.ht

Oliveira MC, Sichieri R, Moura AS. Weight loss associated with a daily intake of three apples or three perar among overweight women. Nutrition 2003; 19: 253-56.
Importante: As informações fornecidas não são individualizadas, portanto, um nutricionista deve ser consultado antes de se iniciar uma dieta. O artigo acima expressa a opinião do autor e pode NÃO refletir a opinião do site ANutricionista.
Você é novo por aqui?

Receba nossas dicas por e-mail

Deixe seu Comentário

This website uses IntenseDebate comments, but they are not currently loaded because either your browser doesn't support JavaScript, or they didn't load fast enough.

2 Comentários para “Mitos da alimentação”

  1. Daiana comentou:

    Parabéns pelo artigo! Ficou muito claro e tirou algumas duvidas que eu e grande parte da população temos. Vocês são profissionais excelentes!

  2. Tatiane Trevilato comentou:

    Obrigada Daiana, é um grande prazer poder esclarecer as dúvidas dos nossos leitores!

Deixe um comentário