Comer bem fora de casa: é possível evitar os exageros? (Parte 2)

por Nutricionista Tatiane Trevilato de Brito - CRN3 26450

dicas-de-alimentacao-saudavel-93006-1

Continuando com as dicas para controlar a alimentação fora de casa, conforme o prometido, trago para vocês escolhas mais saudáveis para comemorações como aniversários e casamentos, e ainda sugestões de alimentos para alguns passeios e viagens.

É preciso lembrar que  passamos grande parte da nossa vida em eventos e comemorações que se concretizam em torno de “comidas”. Pense: quando foi a última vez que você foi a alguma comemoração e não encontrou nada para comer? Ou aniversários, saída com os amigos, enfim, tudo gira em torno de alimentos.

E isso não é ruim, afinal somos seres humanos e como tais é preciso viver em sociedade.  Mas você sabe como se comportar diante de uma situação assim?

Em aniversários, casamentos e outras confraternizações

A primeira dica, e acho que uma das mais importantes é não sair de casa com fome! É lógico que se juntarmos a fome com opções deliciosas e bem calóricas encontradas nestas festinhas, o resultado não será nada saudável. Cuidado com os frios e queijos amarelos que normalmente são servidos como entrada. Opte pela ricota, queijo branco e mussarela de búfula, e outros frios à base de peru ou mesmo de frango. Lanches com patê de ervas com ricota são boas dicas. No caso dos salgadinhos, escolha as opções assadas e sempre com moderação. Se possível opte por bebidas naturais como sucos e água. Os refrigerantes e bebidas alcoólicas são muito calóricos e pouco nutritivos.

No cinema

Logo que chegamos ao cinema aquele cheiro de pipoca tentador parece nos dominar, e fica quase impossível resistir à tentação. E não bastasse a pipoca em embalagens enormes, para acompanhar temos aqueles refrigerantes tamanho gigante e outras guloseimas como balas, chicletes e chocolates. Em pouco mais de uma hora somos capazes de ingerir mais calorias do que o valor total recomendado em um dia! Portanto, vale a pena ser cauteloso neste ambiente. Opções como barra de cereal light, barra de frutas, suco de frutas são mais adequadas. Mas se não resistir a pipoca, escolha a menor porção disponível e de preferência sem manteiga. Alguns cinemas já disponibilizam pipocas “light”, que possuem um teor reduzido de calorias e de sódio. E no caso de refrigerantes, que sejam pequenos e light/diet.

Na praia

As opções mais saudáveis são picolés de frutas industrializados, milho verde, água de coco e alguns sucos. Muito cuidado com lanches naturais, camarão frito, salgados e outros itens que normalmente vem em caixas de isopor muito sujas e que podem facilmente contaminar o alimento, além da exposição ao calor permitindo que o alimento permaneça por um grande período em condições inadequadas de armazenamento e refrigeração. Outro ponto muito importante é a hidratação, abuse dos líquidos, principalmente água potável.

Espero que estas dicas tenham  ajudado. E lembrem-se sempre que não é preciso abrir mão de viver em sociedade ou deixar de sair de casa quando se está de dieta, basta ter um auto-controle e lembrar que há outras coisas importantes a serem vividas naquele momento, como boas companhias, amigos e risadas. O mundo não se resume a “comidas”!

Fonte:  ANutricionista.Com - Tatiane Trevilato de Brito - CRN3 26450 - Nutricionista em Ribeirão Preto.

World Health Organization. Obesity: preventing and managing the global epidemic. Geneva: World Health Organization; 2000. (WHO Technical Report Series, 894).

MENDONCA, Cristina Pinheiro; ANJOS, Luiz Antonio dos. Aspectos das práticas alimentares e da atividade física como determinantes do crescimento do sobrepeso/obesidade no Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 20, n. 3, June 2004 .

Mondini L, Monteiro CA. Mudanças no padrão de alimentação. In: Monteiro CA, organizador. Velhos e novos males da saúde do país. São Paulo: Editora Hucitec/Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde, Universidade de São Paulo; 2000. p. 79-89.
Importante: As informações fornecidas não são individualizadas, portanto, um nutricionista deve ser consultado antes de se iniciar uma dieta. O artigo acima expressa a opinião do autor e pode NÃO refletir a opinião do site ANutricionista.
Você é novo por aqui?

Receba nossas dicas por e-mail

Deixe seu Comentário

This website uses IntenseDebate comments, but they are not currently loaded because either your browser doesn't support JavaScript, or they didn't load fast enough.

Deixe um comentário